19 de julho de 2017

Eduardo Costa exige regalias da prefeitura de Capitólio por ser famoso

Eduardo Costa (Foto: Instagram/ Reprodução)
NATÁLIA OLIVEIRA
A Prefeitura da cidade de Capitólio, na Zona da Mata de Minas Gerais se pronunciou, nesta quarta-feira (19), sobre o áudio em que Eduardo Costa exige privilégios em sua cidade por ser famoso. Por meio de nota, a administração do município disse que não concede benefícios ou vantagens por títulos pessoais.
“Frisa-se que a Administração Municipal de Capitólio acolhe e trata todos os turistas, famosos ou não, de forma igual, para que possam desfrutar das belezas naturais do município, sendo grata a todos que levam e divulgam as belezas da cidade, como foi o caso da boa divulgação do município, feita pelo cidadão Eduardo Costa, em diversos programas televisivos, de forma espontânea e de iniciativa individual”, escreveu a prefeitura na nota.
A prefeitura informou ainda que a mulher com quem Eduardo Costa conversa no áudio não é funcionária da administração da cidade.
Ouça o áudio em que o cantor exige supostos privilégios:


Cantor comenta áudio


Jornalista faz campanha para ocupar o "Triplex do Lula"


Em meio ao embate de versões sobre o triplex do Guarujá, caso em que o ex-presidente Lula foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, o jornalista Xico Sá vem fazendo uma campanha para ocupar o imóvel, a fim de descobrir quem é o seu verdadeiro dono.
"Quer saber de fato de quem é esse triplex do Lula? Bote os sem-teto na porta", pregou, em seu Twitter. "Nada como os sem-teto na porta do triplex que a mídia e o Moro dizem ser do Lula... pra gente saber de quem é de fato", reforçou. "Bora invadir o triplex", convocou.
Em outro tuíte, ele disparou: "resolvi comprar a porra do triplex do Lula. Com quem eu trato?

Temer tem "misturador de voz" instalado em seu gabinete para impedir gravações

Foto: Reprodução/Agência Brasil

Um "misturador de voz" — equipamento que emite frequência sonora para dificultar gravações — foi instalado no gabinete do presidente Michel Temer (PMDB), no Palácio do Planalto. A informação foi divulgada pelo blog de Gerson Camarotti, no G1, nesta quarta-feira (19). 

O aparelho embaralha a conversa capturada com um chiado. Ainda segundo a publicação, gabinetes de ministros também receberam o equipamento. A instalação do "misturador" foi motivada pela gravação de Joesley Batista, da JBS, que mergulhou o governo em uma crise.


Mulher morre após batida com carro do ex-jogador Liedson, em Valença

A motorista do Ford Ka morreu após a batida (Foto: Enviada pelo leitor )
O ex-jogador Liedson se envolveu em um acidente de carro que causou uma morte na manhã desta terça-feira (17), na rodovia BA-887, que liga a sede do município de Valença à praia do Guaibim, no Baixo Sul do estado. 
Segundo relato de um morador do local, a batida ocorreu por volta das 10h30, próximo à rotatória que leva ao Atracadouro Bom Jardim, para onde dois ocupantes de um Ford Ka branco se dirigiam. Liedson dirigia no sentido contrário e chocou sua BMW com o Ka.
A motorista do Ford Ka, Viviane Magalhães Andrade, de 34 anos, foi levada ao Pronto Socorro da Santa Casa de Misericórdia, em Valença, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital, informação confirmada pela Santa Casa. Ela era bióloga, residia em Salvador e estava acompanhada do marido, que sofreu escoriações leves, assim como Liedson e sua esposa Gabriela. Viviane e o marido iam para Morro de São Paulo.
O ex-atacante tem 39 anos, é natural de Cairu e mora no Guaibim após ter encerrado a carreira. Começou a carreira no Poções e jogou também no Flamengo, Corinthians, Sporting, Porto e seleção portuguesa, entre outros. O CORREIO não conseguiu entrar em contato com Liedson.

Em BH, senador Cristovam Buarque é chamado de 'golpista' e 'traidor da educação'


O senador Cristovam Buarque (PPS) foi hostilizado em duas ocasiões nesta terça-feira durante sua passagem por Belo Horizonte. O primeiro protesto aconteceu quando o senador participava de uma palestra na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O parlamentar foi chamado de “golpista” e “cínico”por ter votado a favor do impeachment de Dilma Rousseff. Os manifestantes ainda o acusaram de estar contra as universidades e o classificaram como “traidor da educação”. Já à noite, novamente hostilizado, o político mandou beijos para os manifestantes.

Buarque esteve em Belo Horizonte para lançar o livro Mediterrâneos invisíveis e antes da agenda participou de outro evento na universidade, que recebe programação da 69ª reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). 



O senador, no entanto, negou que seja contrário às universidades. Segundo ele, no encontro que teve hoje com a presidente da SBPC, Helena Nader, apresentou proposta para “salvar a ciência brasileira” e garantir mais recursos. 


À noite, o senador voltou a ser hostilizado e, desta vez, precisou de escolta de policiais militares para chegar ao Teatro da Cidade, no Centro de BH, onde participou de um evento. Insultado outra vez, Cristovam Buarque mandou beijinhos para ironizar manifestantes. Em sua página no Facebook, o senador comentou os epsódios.

Informações: Em.com



SUS passa a oferecer terapias alternativas para a população

Imagem: YouTube
Desde janeiro que o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece terapias alternativas, como meditação, arteterapia, reiki, musicoterapia, tratamento naturopático, tratamento osteopático e tratamento quiroprático. A medida foi publicada no Diário Oficial da União no início do ano.
Por meio da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) , o Ministério da Saúde reconhece oficialmente a importância das manifestações populares em saúde e a chamada medicina não convencional, considerada como prática voltada à saúde e ao equilíbrio vital do homem.
Os serviços são oferecidos por iniciativa local, mas recebem financiamento do Ministério da Saúde por meio do Piso de Atenção Básica (PAB) de cada município.
“O campo das práticas integrativas e complementares contempla sistemas médicos complexos e recursos terapêuticos, os quais são também denominados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) de medicina tradicional e complementar”, diz nota do ministério.
Para o diretor do Departamento de Atenção Básica do Ministério da Saúde, Allan Nuno, a medida será útil para o desenvolvimento de programas para formação de trabalhadores e investimentos na área.
“O que a gente está colocando é a possibilidade de realização e registro no sistema de informação do ministério para reconhecer formalmente esse tipo de procedimento no SUS e monitorar as ações, a partir disso, vamos conseguir inclusive desenvolver ações de formação dos trabalhadores”, disse Nuno.
De acordo com o diretor, não é necessariamente o médico que prescreve esses procedimentos. “Por exemplo, a homeopatia, para você ser habilitado a fazer você pode ser médico, enfermeiro, fisioterapeuta, professor de educação física.”
Algumas terapias já eram oferecidas na categoria “práticas integrativas”, como práticas corporais em medicina tradicional chinesa, terapia comunitária, dança circular, ioga, oficina de massagem, auriculoterapia, massoterapia e tratamento termal.
De acordo com a OMS, terapia alternativa significa que ela é utilizada em substituição às práticas da medicina convencional, já a terapia complementar é utilizada em associação com a medicina convencional, e não para substituí-la. O termo integrativa é usado quando há associação da terapia médica convencional aos métodos complementares ou alternativos a partir de evidências científicas.
“Historicamente, a gente focou muito no médico e na alopatia. A gente tem essa cultura, sentiu qualquer coisa, procura o médico, e ele passa um remédio. Mas existem outras terapias reconhecidas pela ciência que diminuem sofrimento e melhoram as condições de saúde. A gente não privilegiava tanto essas alternativas, e passamos agora a privilegiar mais”, afirmou Nuno.


18 de julho de 2017

Para cumprir a lei, salário mínimo no Brasil deveria ser de R$ 3,8 mil

Créditos da imagem: Agência Brasil
A Constituição Federal de 1988 é o conjunto fundamental e supremo de leis do Brasil, servindo de parâmetro de validade a todas as demais espécies normativas.
Com escândalos de corrupção envolvendo políticos de foro privilegiado, alguns artigos da constituição estão sendo muito usados. Um deles é o artigo 53, que garante a deputados e senadores, desde a expedição do diploma, o direito a serem julgados diretamente pelo Supremo Tribunal Federal (STF).
Mas a constituição está longe de ser integralmente respeitada no país. Os direitos coletivos, como moradia, saúde e educação, estão sendo negligenciados.
Com a atual crise que o país enfrenta, a realidade de muitos brasileiros seria outra se o direito ao salário mínimo fosse respeitado. De acordo com a Constituição, todos os trabalhadores têm direito a:
Art. 7º, inciso IV: Salário mínimo, fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, sendo vedada sua vinculação para qualquer fim.
Segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, para cumprir a lei, o salário mínimo deveria ser de R$ 3.869,92. O cálculo foi feito em maio deste ano. E agora em 2017 o salário mínimo é de R$937,00. O valor é quatro vezes menor do que o recomendado para cumprir o artigo da Constituição.
No ano que vem a Constituição faz 30 anos, e até agora o país segue longe de ver os direitos sociais garantidos a todos. Mas as leis que beneficiam a minoria seguem sendo cumpridas.


Diretor da Faculdade de Direito diz que auditório estará pronto em setembro

Diretor garante que FDUFBA terá seu auditório no final de setembro
O diretor Celso Castro divulgou em sua rede social, segunda-feira (17) que o auditório da faculdade de Direito da UFBA ficará pronto no final de setembro deste ano. Segundo o diretor, o espaço será renomeado em "Espaço Cultural Raul Chaves" e funcionará como teatro, cinema e sala de conferência.

O professor Celso Castro garante que as instalações serão “modernas, climatizadas, confortáveis, contando com camarins e "café teatro". Castro elogiou a pontualidade e a seriedade na execução das obras por parte da empresa responsável.

Celso Castro está no final de mandato como diretor da faculdade de Direito - UFBA, onde será substituído pelo professor Júlio Rocha. Conversando com Rocha, este informou que ainda não há data da posse, mas tudo indica que será depois da inauguração do auditório. Sem dúvida, a obra é um marco para gestão de Castro, para UFBA e para a cidade de Salvador.

Na própria postagem do facebook, Celso Castro comentou que “o Professor Sérgio Farias, ex-Diretor da Faculdade de Teatro da UFBA, aceitou o convite para elaborar a programação teatral do espaço. A direção ainda não divulgou os artistas musicais que participarão da cerimônia de entrega do moderno auditório. Celso Castro, certa vez, divulgou em sua rede social a vontade de assistir ao cantor Gilberto Gil tocar no espaço como nos velhos tempos de festa na laje do auditório. Quem viver, verá! 

Políticos e lideranças tentam convencer Tribunal de Justiça sobre o fechamento da comarca em Serra Preta

Políticos, lideranças e profissionais tentam manter Comarca funcionando em Serra Preta
Oposição e Situação em Serra Preta se unem para garantir Comarca 
Diversas lideranças estiveram, segunda-feira (17), na sede do Tribunal de Justiça em Salvador para discutir a permanência da Comarca de Serra Preta, que também atende os processos judiciais do município de Anguera. Como já anunciamos aqui (ler matéria), o Tribunal de Justiça bateu o martelo e resolveu fechar 33 comarcas do interior do Estado da Bahia.

No facebook, o prefeito de Serra Preta diz que vem se “empenhando ao máximo para resolver a situação da Comarca de Serra Preta”. Em 14 de junho, o prefeito Aldinho já tinha realizado uma audiência no Tribunal de Justiça sobre o tema. Na audiência de segunda-feira, o gestor de Serra Preta contou com o reforço do prefeito de Anguera, Fernando Bispo, de advogados interessados, vereadores e assessoria do Deputado Estadual Zé Neto e a presença do Deputado Estadual Carlos Geilson.

A novidade do encontrou ficou por conta da presença de alguns vereadores de oposição ao prefeito Aldinho, demonstrando maturidade para discutir o problema. “Hoje em uma reunião apartidária, vereadores de oposição e situação se uniram para resolver o problema pelo bem do município”, escreveu Aldinho na sua página oficial do facebook.

Avanços

Tudo indica que o Tribunal de Justiça esteja irredutível sobre o fechamento da Comarca, alegando a pouca movimentação processual. Por outro lado, foi possível acordar a manutenção dos cartórios extrajudiciais em Serra Preta e outros serviços necessários.

O prefeito de Serra Preta disse que o pedido de reconsideração sobre a desativação da Comarca foi solicitada pela bancada suprapartidária. Eventualmente não seja possível, “ficou acordado a manutenção dos cartórios extrajudiciais do município, com a permanência do tabelionato, registro de imóveis, certidão de nascimento, óbito, entre outros. Esses serviços vão ficar. Fizemos o pedido de reconsideração sobre a desativação da Comarca”.

Aldinho ainda escreveu que há uma agenda marcada “no TRE para discutir a permanência do Cartório Eleitoral do município. Além disso, vamos pleitear cessão de uso do prédio do Fórum e da casa do juiz, onde vamos colocar um posto avançado do TJ, que será uma central de resolução de conflitos mantida pela prefeitura. Vamos digitalizar os processos em parceria com o município de Anguera”. Aldinho garante que essas mudanças “vai inovar e dar mais celeridade e eficiência ao andamento dos mesmos”.

Matérias Relacionadas

17 de julho de 2017

Em reportagem, Record fala sobre possível escândalo de corrupção envolvendo a TV Globo

Ex-ministro Antonio Palocci seria o maior medo da Globo, segundo a Record
(Foto: Divulgação)
A Record levou ao ar nesse domingo (16) uma prometida reportagem sobre a TV Globo no “Domingo Espetacular”. Na atração, a emissora discorreu sobre a possibilidade do ex-ministro Antonio Palocci de envolver a emissora carioca em uma possível delação premiada. “A causa do pesadelo nos poderosos”, disse o repórter do canal.

Entre as acusações mencionadas pela Record contra a Globo, está a de sonegação de impostos. A emissora argumentou que, como a Globo “quase quebrou” no início dos anos 2000, teve que montar um esquema criminoso para comprar os direitos de transmissão da Copa do Mundo daquele ano.

Leia Mais na TV Foco



16 de julho de 2017

Prefeito de Serra Preta é contra o fechamento da comarca

TJ decide desativar a comarca de Serra Preta
Serra Preta está entre os 33 municípios que terão suas comarcas desativadas pelo Tribunal de Justiça da Bahia. Os desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) decidiram aprovar, dia 05 deste mês, a desativação das comarcas, alegando critérios e questões técnicas como arrecadação judicial e despesas da comarca, bem como a distância entre as unidades que passarão a assumir o acervo processual e o número de servidores da antiga comarca.

Em entrevista numa rádio de Feira de Santana, o prefeito Aldinho afirmou que o fechamento trata prejuízo a população do município de Serra Preta. Disse que já esteve no Tribunal de Justiça para discutir a manutenção e que segunda-feira (17) estará novamente, acompanhado de lideranças e de vereadores de oposição como situação para uma nova rodada de negociação.

Segundo a OAB, em 2011 o TJ-BA fechou 50 comarcas, o que teria deixado cerca de 655 mil pessoas sem acesso ao Poder Judiciário. Em 2014, agregou outras 25 unidades. Atualmente, existem 215 comarcas atendendo os 417 municípios da Bahia. Em nota, a OAB informou que o fechamento de comarcas é inconstitucional e representa descumprimento da função estatal. Ainda segundo a OAB, isso autoriza a intervenção do Poder Judiciário Federal, como uma forma de preservar as garantias individuais e coletivas dos cidadãos baianos. 
Tudo indica que o Tribunal de Justiça está determinado a fechar as comarcas. A justificativa de pouca movimentação judiciária é questionada pela população de Serra Preta. A comarca ficou um bom tempo sem juiz e promotor público, desestimulando a confiança da população em buscar novas reparações judiciais.
Em 2016, o advogado Sérgio Ribeiro já sinalizava a precariedade dos serviços
Em 2016, o advogado Paulo Sérgio Ribeiro decidiu fazer uma breve greve de fome na frente da sede do Tribunal de Justiça da Bahia, reivindicando Juiz e Promotor na comarca. “A comarca está sem juiz há seis anos, afirmou o advogado ao site Bahia Notícias. Ele também diz que a cidade não tem promotor de Justiça. “Em novembro de 2015, uma juiz foi nomeada, mas ficou apenas 42 dias. O Tribunal nomeou um juiz substituto, mas não há despacho, não há sentença. Uma ação alimentícia, por exemplo, aguarda um parecer há três anos. A comarca está descoberta, nem o promotor substituto vai à comarca”, afirmou Ribeiro ano passado. 

Pensando na discricionariedade do Tribunal, o prefeito Aldinho tenta amenizar os prejuízos para Serra Preta, negociando a permanência dos cartórios de registros e implementando uma espécie de posto avançado no Ponto de Serra Preta. Ainda há possibilidade do TRE continuar no município, mas não é certo. Como disse Ruy Barbosa, “a pior ditadura é a ditadura do Poder Judiciário. Contra ela, não há a quem recorrer”.
Matérias Relacionadas

TJ-BA decide desativar 33 comarcas de cidades do interior do Estado


SERRA PRETA: Micareta do Bravo vai voltar

Avenida Melquíades Figueiredo era o principal circuito do micareta
Já foi tradicional em Bravo. A micareta do maior centro urbano do município de Serra Preta pode voltar, segundo anunciou o prefeito Aldinho em entrevista na Rádio Sociedade de Feira de Santana neste domingo (16).

A festa era patrocinada por Melquiades Figueiredo, um dos fundadores do Bravo, nos anos 70. Com seu falecimento, a festa entrou em decadência. A última edição foi realizada na gestão de Zelito Leite.

A micareta não entrou no programa de governo do prefeito atual, mas Aldinho decidiu apoiar o apelo da população. O ex-jogador de futebol Piau é um dos mais esperançosos com a volta do evento, até palpite de bandas já deu. O comerciante Janilton Barreto e o militar Leo de Índia cobram uma micareta com atrações interessantes sem precisar gastar muitos recursos públicos.

O prefeito Aldinho não entrou em detalhes sobre a micareta, mas garantiu que será logo após a finalização das obras da nova Avenida do Bravo. Durante a entrevista, o prefeito falou da conclusão do gramado do Estádio Municipal José Oliveira Leite, do resgate do São João e São Pedro, o maior da história em relação à participação popular e dos investimentos realizado na Educação e atendimento na área de saúde.  

A administração está convencida que os eventos culturais resgatam a autoestima do povo e movimenta a economia local. Segundo o gestor, apenas R$ 290 mil foram gastos nos festejos juninos, mas cerca de 1 milhão de Reais circularam durante os 10 dias de festa. 

Deixei sua sugestão de bandas ou artistas no comentário abaixo

Entrevista na Rádio Sociedade

15 de julho de 2017

Estado divulga lista de professores contemplados com bolsa estímulo

Margarida Neide | Ag. A TARDE
A relação com 833 professores da rede estadual que serão contemplados com a Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe foi divulgada neste sábado, 15, no Diário Oficial.
Os docentes vão receber R$ 800 para 20 horas e R$ 1.600 para carga horária de 40 horas. O valor é pago para professores que já possuem os pré-requisitos para aposentadoria voluntária, mas que optaram por permanecer em atividade. O dinheiro será pago a partir da folha de julho.
O benefício é pago por um período de 2 anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo tempo. A Secretaria da Educação do Estado leva em consideração docentes que ministram aula em áreas de conhecimento onde há carência de profissionais na rede estadual.

Servidores do RJ com salários atrasados formam fila por doações de cestas básicas

Reprodução: YouTube

Centenas de servidores públicos do estado do Rio formaram uma longa fila na manhã deste sábado (15) para receber cestas básicas. Com salários atrasados, muitos saíram do trabalho e ficaram sem dormir desde a noite de sexta-feira (14) para garantir o recebimento da doação.

A iniciativa foi promovida pelo Movimento Unificado dos Servidores Públicos do Estado (Muspe) que estão com o pagamento de salários em dia. Por causa da situação delicada, a fila foi batizada de “Fila da Esperança” pelos servidores. De acordo com eles, algumas cestas básicas irão impedir que alguns deles passem fome.

“Fila da esperança, de melhorar, de quem tem fome, se a gente não tivesse fome a gente não estaria aqui. É comida, alimento, não é um carro, não é um prêmio. Tantos anos trabalhados para pedir feijão e arroz”, disse uma das funcionárias públicas.




Pescadores capturam tubarão em praia de Salvador



Na manhã deste sábado (15), pescadores capturaram no mar da praia de Itapuã, em Salvador, um tubarão. As imagens enviadas ao BNews mostram o animal sendo arrastado por alguns homens na areia, ainda entrelaçado na rede e cordas de pesca.

Segundo testemunhas, o tubarão foi capturado nas proximidades da Rua K, praia bastante frequentada por banhistas aos finais de semana.  

Informações: Voz do Lobo

 


Safoneiro da Estakazero tem carro e instrumentos musicais levados em assalto

Sanfoneiro Luciano Campos teve carro e instrumentos musicais
levados durante assalto, no Stiep

(Foto: Divulgação)
O sanfoneiro Luciano Campos, da banda Estakazero, foi assaltado no início da manhã deste sábado (15) e teve os equipamentos musicais levados. O crime ocorreu nas proximidades do Condomínio Vale dos Rios, no Stiep, logo depois dele deixar uma amiga em casa, após a apresentação da banda no Coliseu do Forró.
O músico conta que um carro popular prata com dois homens armados fechou a rotatória quando ele saía do condomínio, e um dos bandidos foi em sua direção, bateu no vidro do carro com o cabo de uma arma e exigiu que ele descesse do veículo, um Chevrolet Cruze.
"Ele perguntou se eu queria morrer. Me revistou e ainda questionou:´é polícia?'. Depoisde me revistar, pegou meu celular e um bandido seguiu em meu carro e outro no carro que eles estavam antes", contou Campos.
Além da sanfona, que usada é avaliada em R$ 24 mil, os bandidos levaram um teclado, que custa R$ 8 mil, uma mesa de som no valor de R$ 2.500, dois tripés, uma caixa de som e dois celulares. "É um instrumento que estava comigo há oito anos".
Além do prejuízo financeiro, o Luciano fala que essa safona não é fácil de encontrar para comprar. "Não tem em loja nenhuma de Salvador. Ela é importada, da Itália. Mas a minha é fácil de identificar porque tem o nome da marca, Scandalli, bem na frente, e o nome da minha está sem tinta. Tem também as correias vermelhas, que não comuns, o povo usa mais preta", disse.
Com show marcado para este sábado em Praia do Forte, o músico conta que teve que pegar uma sanfona emprestada. Apesar da abordagem violenta, Luciano não ficou ferido durante o assalto. Ele já tinha sido abordado em outra situação, mas os bandidos não conseguiram levar nada da outra vez. "Sou muito de reagir, mas sou esperto, avalio as possibilidades. Hoje eu vi que não tinha jeito, com o cara colocando uma arma na minha cabeça. Se fizesse algo, iam atirar".
Depois que os bandidos fugiram, o músico voltou para a casa da amiga que ele tinha dado carona para pedir socorro. Ele tentou registrar a ocorrência na manhã de hoje na Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos, mas conta que foi informado que deveria voltar em outro momento porque o sistema está em fase de manutenção.

13 de julho de 2017

Lula responde à sentença de Sérgio Moro

Foto: Ricardo Stuckert
Um dia após a divulgação da sentença que o condenou na primeira instância pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participa de ato organizado por movimentos sociais, militantes políticos e simpatizantes e concede coletiva de imprensa ao final da manhã desta quinta-feira (13), em São Paulo. Compõem a mesa a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, o advogado do ex-presidente Cristiano Zanin, a deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e o escritor Raduan Nassar.
"[Sérgio] Moro tem para comigo um otimismo que nem eu tenho, porque, pela peça de condenação, significa que ele está permitindo que eu possa ser candidato em 2036. Isso significa que eu vou viver e vocês vão ter que me suportar muito", disse no início de seu discurso. 

Informações: Correio da Bahia
Acompanhe ao vivo a transmissão:


7 de julho de 2017

'Não existe crise econômica no Brasil', diz Temer em Hamburgo

 Foto: Ludovic Marin/AFP
O presidente Michel Temer negou que exista crise econômica no País nesta sexta-feira, 7, ao chegar ao hotel Le Meridien, em Hamburgo, para participar da reunião da cúpula de líderes das 20 maiores economias do mundo, o G-20. "Crise econômica no Brasil não existe. Vocês têm visto os últimos dados", disse.
Quando os jornalistas que o aguardavam na frente do hotel às 6 horas da manhã no horário local (1 hora de Brasília) reforçaram a pergunta sobre o desempenho da atividade, questionando se não existia realmente uma crise econômica no País, Temer enfatizou: "Não, não. Pode levantar os dados e você verá que estamos crescendo no emprego, estamos crescendo na indústria, estamos crescendo no agronegócio. Lá não existe crise econômica", disse.
Quando perguntado sobre se a crise política atrapalhava o andamento da economia, o presidente já estava se dirigindo para dentro do hotel, mas virou o rosto para os jornalistas e disse "não", reforçando a negativa com o dedo.
Ao chegar ao local, Temer disse que estava preparado para participar da reunião dos Brics (reunião dos emergentes Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), que, segundo ele, visa ao desenvolvimento dos cinco países. "E de alguma maneira participar desta grande reunião, que é o G-20. Certamente, alguns temas fundamentais para os países componentes do grupo serão debatidos, entre eles, o meio ambiente."
Por volta das 10h30 da manhã (5h30 em Brasília), Temer chegou ao centro de eventos onde começa a reunião do G-20. Ele foi recebido pela chanceler alemã Angela Merkel, anfitriã do encontro, assim como os demais líderes mundiais que chegavam ao local. Nas ruas, a polícia contém manifestantes que tentam impedir o acesso à região.

6 de julho de 2017

Câmera registrou queda de helicóptero que matou noiva


Um vídeo inédito achado pelo irmão da noiva quatro dias após a queda do helicóptero em que ela estava, em São Lourenço da Serra, na Grande São Paulo, mostra o interior do helicóptero que levava a noiva Rosemeire Nascimento da Silva ao seu casamento. Os quatro ocupantes morreram no um acidente que chocou o país em dezembro de 2016.

Leia mais no G1





5 de julho de 2017

Quatro jogadores deixam time gaúcho após vídeo com cena sexual vazar


Quatro jogadores deixaram o Gaúcho, time da terceira divisão do Rio Grande do Sul, depois que um vídeo mostrando três deles se masturbando no vestiário do clube circulou nas redes sociais. O quarto atleta estava filmando a cena. A direção afirmou que os quatro não têm mais vínculo com o time de Passo Fundo. 
"Fora do horário de expediente não temos nada a ver com a situação. Se quiserem se drogar, beber, são gays ou não, é problema deles. O que tenho que responder como presidente é durante uma viagem, horário de expediente. Aí a responsabilidade seria minha. O Sport Club Gaúcho não é guardião da moral e dos bons costumes de ninguém. A única coisa foi fazer o vídeo dentro do vestiário", disse ao Globoesporte.com o presidente do time, Gilmar Rosso. 
A cena foi gravada na sexta-feira, cerca de uma hora e meia depois do treinamento. No sábado, os atletas foram desligados depois de uma reunião.
Rosso afirmou que o vídeo foi uma "infantilidade" e negou que tenha qualquer teor homofóbico na decisão."Não somos homofóbicos. O Grêmio teve a Coligay, e quem fundou a torcida é de Passo Fundo e torcedor do Gaúcho. Ainda nos anos 80, ele voltou à cidade e fundou a Coligay do Gaúcho. Estamos atrás de uma foto para mostrar que não temos preconceito", acrescenta. Os nomes dos jogadores não foram divulgados.
O Juventude, clube com escudo similar ao Gaúcho, divulgou nas redes sociais uma nota explicando que não tem nada a ver com a situação. "Coé rapaziada! No Verdão não existe preconceito, porém vale lembrar: o vídeo que estão comentando não tem relação alguma com nossos atletas".
O Esporte Clube Gaúcho está na zona de classificação da segunda fase da Segunda Divisão, que é o nome na verdade da terceira divisão gaúcha. O time enfrenta esta semana o Igrejinha e pode se classificar para as quartas de final da competição antecipadamente. 


TJ-BA decide desativar 33 comarcas de cidades do interior do Estado

Comarca de Serra Preta será desativada. Foto: arquivo
Os desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) decidiram aprovar, na manhã desta quarta-feira (5), a desativação de 33 comarcas de cidades do interior do estado. De acordo com o órgão, a medida está alinhada com a Resolução 184/2013 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que estabelece que os tribunais devem adotar providências para extinção, transformação ou transferência das unidades com baixa movimentação de processos nos últimos três anos.
Ainda segundo o órgão, a medida levou em conta critérios e questões técnicas como arrecadação judicial e despesas da comarca, bem como a distância entre as unidades que passarão a assumir o acervo processual e o número de servidores da antiga comarca. De acordo com a decisão, os servidores e os acervos de processos deverão ser unificados em até 60 dias.
As cidades que perderam de vez as comarcas judiciais foram Abaré, Acajutiba, Alcobaça, Angical, Aurelino Leal, Baixa Grande, Boa Nova, Boquira, Brejões, Brotas de Macaúbas, Conceição da Feira, Ibicuí, Ibirapitanga, Itagimirim, Itapebi, Itapitanga, Itiruçu, Jaguaripe, Jiquiriçá, Maraú, Milagres, Mucugê, Nova Canaã, Nova Fátima, Palmeiras, Paratinga, Pau Brasil, Presidente Dultra, Rio de Contas, Santa Luzia, São Gabriel, Serra Preta, Wanderley. 
Algumas comarcas das cidades acimas já tinham sido agregadas à outras maiores, mas vinham mantendo suas estruturas. No entanto, o órgão explica que as comarcas desativadas poderão voltar a funcionar a qualquer tempo também por resolução do Tribunal Pleno. Além dessa medida, também foi decidido que as comarcas de Camamu, Castro Alves, Inhambupe, Itajuípe, Olindina, Pojuca e Uruçuca, que possuíam vara crime e cível, passam a ter uma vara única, sendo jurisdição plena.
OAB critica a decisão
Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou com uma ação para impedir
Foto: Bahia Notícias
Em junho deste ano, a Organização dos Advogados do Brasil (OAB) entrou com uma ação no Tribunal Regional Federal (TRF/1ª Região) contra o Estado e o TJ-BA para impedir o fechamento das comarcas. Segundo a OAB, em 2011 o TJ-BA fechou 50 comarcas, o que teria deixado cerca de 655 mil pessoas sem acesso ao Poder Judiciário. Agora, o número sobe para 83 desativações.
A vice-presidente da organização na Bahia, Ana Patrícia Dantas Leão, disse que a decisão tomada hoje pelo órgão é de caráter administrativo e que não cabe solicitação de recurso contra a medida. A OAB aguarda a decisão de uma ação na Justiça Federal e espera que as desativações não ocorram pelo menos enquanto o resultado não sai.
"Socialmente há muitas consequências nisso e para a OAB quase todas são negativas. A retirada das comarcas faz com que a população precise se deslocar para as cidades das comarcas agregadoras e isso cria uma dificuldade no acesso à justiça. A solução de fechar é imediatista e os problemas vão continuar. É importante que o Estado veja que o poder judiciário é indispensável à população e que é necessário um plano maior", argumentou.
Em março de 2015, o CNJ publicou uma nota em que dizia que a Associação dos Magistrados da Bahia (AMAB) contestou o ato do TJ-BA que determinava a agregação de varas e comarcas de entrância inicial porque a medida acarretaria ainda no aumento da competência dos magistrados, no aumento da carga de trabalho e na necessidade de deslocamentos rodoviários de até 60 km para realização de audiências.
Confira na tabela abaixo as comarcas que irão receber os processos de cada município a partir de agora.

Iniciado tombamento do abrigo Predileto em Feira de Santana

Foto: ACM/ Secom
O abrigo Predileto, situado na praça da Bandeira, teve iniciado o processo de tombamento pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). O prédio, construído na década de 20, ainda guarda muito de suas características originais e é um marco da vida de Feira de Santana.

O abrigo Predileto ainda pertence à família de Nelson Carvalho de Argolo, já falecido, e vem sendo alugado há anos para o funcionamento da Lanchonete Predileto. O comunicado do processo de tombamento foi entregue à herdeira Luciana Argolo de Almeida, residente em Salvador, segundo informações do secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Edson Felloni Borges.

“Há um prazo para que a família aceite ou conteste o processo. Acreditamos que não haja resistência, visto que o tombamento garantirá aos herdeiros a existência do imóvel, além do significado histórico para a sociedade. É bom frisar que a contestação pode ser rejeitada pelo governo municipal”, salienta o secretário.

O abrigo Predileto foi construído em 1926 e, como o próprio nome diz, teve como objetivo servir de ponto de ônibus. Ao longo dos anos, tornou-se uma das referências como pontos de conversas sobre a vida feirense, e a lanchonete criou fama principalmente pelo sorvete com doce de leite.

“O Predileto é, inegavelmente, um patrimônio da comunidade feirense e não pode desaparecer”, defende Borges.


Leia Também